cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Tribunal nega Oscar a um dos produtores de Crash

    Por Da Redação
    27/03/2008

    Na Califórnia, um Tribunal negou o pedido de reconhecimento de vencedor do Oscar para o produtor Bob Yari, do filme Crash - No Limite. De acordo com a Academia de Hollywood, O reconhecimento pelo ganho do Oscar ficou com o diretor e co-roteirista Paul Haggis e com a produtora Cathy Schulman, que foram receber a estatueta no Teatro Kodak, em Los Angeles.
    Bob Yari fazia parte da equipe da série televisiva que deu origem ao filme e integrou a equipe de seis pessoas que faziam parte da produção. Ele alega que sua reputação foi prejudicada após ser excluído da premiação e entrou com um processo para que Hollywood fosse obrigada a também reconhecê-lo como vencedor. A sentença de negação do tribunal foi baseada no direito das organizações privadas de ter autonomia nas decisões que toma ao conceder prêmios.
    O diretor-executivo da Academia, Bruce Davis, afirmou que a sentença era esperada. Apesar de falar que esta não tinha grande importância, o produtor ressaltou que "é ótimo se assegurar de que um tribunal não quer entrar no terreno de quem deve ganhar um Oscar." Yale rebateu a fala do diretor dizendo que a decisão tomada era "infeliz".

    Crash - No limite mostra o racismo que há em Los Angeles sobre várias aspectos. Sandra Bullock (A Casa do Lago), Matt Dillon (Dois é Bom, Três é Demais), Brendan Fraser (A Múmia) e o rapper Ludacris fazem parte do elenco. Crash ganhou três Oscar: Melhor Filme, Melhor Roteiro Original e Melhor Edição.