cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Saiba tudo sobre Jiraiya, o incrível Ninja, que voltou à TV

    A série voltou a ser uma febre
    Por Daniel Reininger
    22/04/2020

    Jiraiya, o incrível Ninja, ao lado de Jaspion e Esquadrão Relâmpago Changeman, voltou à TV para ajudar a entreter as famílias durante a quarentena por conta do Coronavírus. Apesar de ser uma das séries tokusatsu (live-action com efeitos especiais) de maior sucesso no Brasil, muita gente ainda não a conhece, mas seu retorno já chamou a atenção do pessoal que usava a expressão virado no Jiraya, mas não fazia ideia de sua origem.

    O que é

    Bem, Jiraiya chegou ao Brasil em setembro de 89 pela Rede Manchete e, assim como Jaspion, pertencente ao gênero Metal Hero, com heróis em armaduras de metal, a diferença é que Jiraiya não usa muitas tecnologias e nem vai ao espaço.

    Esse tipo de série japonesa já era exibida desde a década de 60. O estilo voltou com tudo com Jaspion e Changeman nos anos 80 e uma nas novidades foi Jiraya, em 89. Produzida pela Toei Company, a série do incrível ninja tem 50 episódios e acompanha o jovem Toha, criado e treinado para guardar metade da inscrição para um tesouro que é objeto de desejo de todos os ninjas do mundo. No Brasil, atualmente é distribuída pela Sato Company.

    Enredo

    Os personagens principais da série são descendentes dos Togakure, um antigo clã ninja cuja missão é proteger a Inscrição, um pedaço de pedra que aponta o paradeiro de Pako, uma espécie de capsula espacial que caiu na Terra cerca de 300 anos antes de Cristo, conhecida mundialmente como "Tesouro do Século".

    Touha Yamashi é o protagonista. Quando pequeno, seus pais foram mortos e foi adotado pelo mestre Tetsuzan. É treinado para tornar-se um ninja e sucedê-lo, mas quando sua irmã é raptada pela Família de Feiticeiros, facção criminosa ninja que combinada com feitiçaria e magia negra para atingir os seus objetivos de subjugação mundial, é obrigado a entrar em ação antes de estar preparado.

    Touha, então, recebe a armadura Olímpica a Espada Olímpica, assume o codinome de Jiraiya e resgata Kei, iniciando assim sua luta contra a Família dos Feiticeiros. Ele ganha fama no Império Ninja, uma organização que reúne diversas famílias do mundo, e passa a ser alvo de vários ninjas do mundo.

    Já a Família de Feiticeiros, liderada pelo Ninja Dokusai, inicia o movimento para recuperar a inscrição que revela o do tesouro do século. O vilão tem metade da inscrição enquanto a outra está nas mãos do mestre de Jiraiya.

    Jiraiya, o incrível Ninja

    Virado no Jiraya

    Essa expressão usada quando uma pessoa está "fora de si" é uma referência a essa famosa série japonesa dos anos 80. Um dos motivos possíveis pode ser uma de suas frases famosas: "Não te perdoo", proferida antes de dar seu golpe fatal. Ou simplesmente não tem uma explicação lógica, vai saber. O que importa é que a expressão pegou.

    Inclusive o ator Takumi Tsutsui, que deu vida a Toha Yamaji, o Jiraya, em uma de suas muitas vindas ao Brasil tentou entender a gíria, sem sucesso. Mas ele achou muita graça quando ouviu pela primeira a expressão lá em 2014. 

    Dois Jiraiya

    Não, o Jiraiya de Naruto não nada a ver com o Jiraiya desse tokusatsu, mas os dois possuem origens na cultura e folclore japonês. Ambos são inspirados por uma lenda japonesa antiga, sobre um nobre com problemas financeiros que se torna pirata e aprende a dominar diversos tipos de magia do Japão.

    Quadrinhos e brinquedos

    No Brasil, o incrível ninja foi um sucesso tão grande que virou até quadrinhos! A extinta editora Ebal lançou as HQs do herói. Na maioria dos casos, as histórias eram reproduções dos episódios da TV, com raras aventuras e personagens inéditos.

    Além disso, obviamente, muitos brinquedos baseados na série foram lançados por aqui e fizeram o maior sucesso.

    Motivos para ver a série

    Se interessou, mas está na dúvida se vale assistir a série? A gente dá alguns motivos para se arriscar:

    - A trilha sonora é realmente muito boa

    - Tem uma história muito interessante

    - Personagens carismáticos

    - Vilões curiosos

    - Lutas bem coreografadas

    - Muito humor

    - Dublagem é boa e divertida

    Onde ver: Amazon Prime Video

    Você pode ver alguns capítulos no Youtube da Sato Company:

    Continua após o anúncio