cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Conheça o Turfe, esporte favorito da Rainha Elizabeth

    A paixão da Rainha pela corrida de cavalos é retratada em alguns episódios da série The Crown
    Por Daniel Reininger
    24/11/2020 - Atualizado há 3 dias

    The Crown é uma das melhores séries da Netflix, e explora os complexos relacionamentos da família real inglesa. A chegada de Princesa Diana (Emma Corrin) e Margaret Thatcher (Gillian Anderson) deixa a série ainda mais cativante na quarta temporada, com muitas mudanças. 

    Entretanto, uma coisa que é constante ao longo de todas as temporadas é o amor da rainha inglesa pelos cavalos e pelo esporte Turfe. Mas você sabe o que é? A gente explica: 

    Cena de The CrownReprodução

    Turfe

    A palavra Turfe vem do inglês "turf", que designava os primeiros eventos de corrida de cavalos. Atualmente, envolve o treinamento do cavalo, competição e apostas.

    O formato conhecido hoje surgiu na Inglaterra, por volta do século XVII. Para as competições eram selecionados cavalos com aptidão para corridas, incluindo animais trazidos do norte da África das raças berbere e árabe, que eram comprados ou tomados em batalhas. Cruzados com os melhores cavalos europeus, surgiu o puro sangue inglês de corrida, que praticamente domina o esporte até hoje.

    Cada corrida é chamada páreo. Um dia de eventos é composta por vários páreos, com intervalos entre eles, quando são efetuadas as apostas. Os páreos podem ser comuns, ou clássicos. Os comuns selecionam os animais por idade e número de vitórias. Os clássicos, que são as principais provas, são conhecidas como Grandes Prêmios, as provas máximas de cada entidade turfística e disputados com calendário definido.

    A corrida

    O cavalo de corrida atinge uma velocidade acima de 60 km/h e a largada de uma corrida é um dos momentos mais importantes do esporte, pela possibilidade de haver algum acidente ou atraso de algum competidor. Embora, alguns filmes mostrem a largada com um tiro de pistola para cima, na verdade é usado o "Box"(como é conhecido), onde cada cavalo tem seu espaço, com uma porta atrás e uma na frente. Na hora da partida, os cavalos vão para dentro do "Box", são fechadas as portas, toda as portas são abertas simultaneamente e a corrida começa.

    Os cavalos podem correr montados por jóqueis ou atrelados a uma charrete (harness racing). As distâncias das corridas costumam ser: 1000 metros para os cavalos mais velozes; 1600 para os animais chamados milheiros (1609 metros=uma milha), e 2400 (milha e meia) para competidores mais resistentes.

    Em cada páreo, à parte das apostas feitas por qualquer pessoa presente no hipódromo, existe uma premiação em dinheiro ao proprietário do vencedor e dos mais bem colocados. O jóquei, criador e treinador também ganham premiações em dinheiro nesses casos.

    Cena de The Crown - 3Reprodução

    No Brasil

    Por aqui o esporte chegou em meados do século XIX. As principais entidades de turfe no Brasil organizam eventos a cada semana, dentro de um calendário oficial. Cada dia de eventos é constituído de vários páreos em que competem em hipódromos de pista ovalada.

    Os Jockey Clubs desenvolvem sua corridas em locais denominados hipódromos. Os hipódromos organizados são constituídos por pistas de corridas, de areia ou grama e pavilhões.

    Os principais Hipódromos, no Brasil, são:

    Jockey Club Brasileiro/ Hipódromo da Gávea, (Rio de Janeiro)
    Jockey Club de São Paulo/ Hipódromo de Cidade Jardim, (São Paulo)
    Jockey Club do Rio Grande do Sul / Hipódromo do Cristal, (Porto Alegre)
    Jockey Club do Paraná / Hipódromo do Tarumã, (Curitiba) 

    A entrada nos Hipódromos brasileiros é de graça e, lá, você pode ter um verdadeiro dia de realeza. Com certeza vale a experiência.

    Cena de The Crown - 4Reprodução

    The Crown - Quarta temporada

    Ambientada do final dos anos 1970 ao final dos anos 1980, o novo ano traz atuações incríveis e personagens muito bem escritos. Os 10 episódios conseguem contar bem a história da rainha Elizabeth com Margaret Thatcher e explorar o relacionamento de Charles e Diana de forma eficiente e reveladora. 

    Lembrando que a série está confirmada até pelo menos a sexta temporada. As gravações da quinta temporada já foram iniciadas, mas ainda não há previsão de lançamento.

    As quatro primeiras temporadas de The Crown estão na Netflix. Veja o trailer:

    Veja também