cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • GAMES
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    Veja os vencedores da 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

    Mosquito e Glauber, Claro estão entre os projetos premiados do festival
    Por Alexandre Dias
    05/11/2020

    A 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo se encerrou na última quarta-feira (04) e nesse dia o festival fez a sua cerimônia de premiação. O destaque nacional foi o longa Glauber, Claro, de César Meneghetti, que conquistou o Prêmio da Crítica de Melhor Filme Brasileiro. 

    O projeto é um documentário com foco no exílio de Glauber Rocha na década de 70, saudoso cineasta marcado por produções como Deus E O Diabo Na Terra Do Sol e O Dragão Da Maldade Contra O Santo Guerreiro.

    Já no âmbito internacional, o destaque foi Mosquito (imagem), de João Nuno Pinto, que ganhou o Prêmio da Crítica de Melhor Filme Internacional. A coprodução entre Portugal, Brasil e França conta a história de um jovem soldado português enviado para Moçambique na Primeira Guerra Mundial. 

    Confira todos os vencedores da 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo:

    Prêmio do Júri

    Melhor Ficção

    Eyimofe (Esse É o Meu Desejo), de Arie Esiri e Chuko Esiri (Nigéria)

    Melhor Documentário

    17 Quadras, de Davy Rothbart (EUA)

    Menções Honrosas

    Chico Rei Entre Nós, de Joyce Prado (Brasil)

    Thiessa Woinbackk, atriz de Valentina (Brasil)

     

    Prêmio do Público

    Melhor Documentário Brasileiro

    Chico Rei Entre Nós, Joyce Prado (Brasil)

    Melhor Filme de Ficção Brasileiro

    Valentina, de Cássio Pereira dos Santos (Brasil)

    Melhor Documentário Internacional

    Welcome to Chechnya, de David France (EUA)

    Melhor Filme de Ficção Internacional

    Não Há Mal Algum, de Mohammad Rasoulof (Irã, Alemanha, República Tcheca)

     

    Prêmio da Crítica 

    Melhor Filme Internacional

    Mosquito, de João Nuno Pinto (Portugal, Brasil, França)

    Melhor Filme Brasileiro

    Glauber, Claro, de César Meneghetti (Brasil)

     

    Prêmio da ABRACCINE

    Melhor Filme Brasileiro de Diretor Estreante

    Êxtase, de Moara Passoni (Brasil)

     

    Prêmio Incubadora Paradiso 2021

    Neuros, de Guilherme Coelho e Josefina Trotta

     

    Nesta notícia você leu sobre: Deus E O Diabo Na Terra Do Sol, O Dragão Da Maldade Contra O Santo Guerreiro.

    Veja também: Filmes da Mostra de Cinema de SP que podem ir para o Oscar 2021