cineclick-logo
    botão de fechar menu do cineclick
  • FILMES
  • NOTÍCIAS
  • CRÍTICAS
  • LISTAS
  • © 2010-2021 cineclick.com.br - Todos os direitos reservados

    VENEZA 2010: Favorita, Sofia Coppola vence festival

    Por Da Redação
    11/09/2010

    O júri presidido por Quentin Tarantino escolheu Somewhere, longa-metragem de Sofia Coppola (Maria Antonieta), como o Melhor Filme do 67° Festival de Veneza. De óculos escuros, Tarantino afirmou ser uma “grande honra” entregar o prêmio à filha de Francis Ford Coppola e afirmou que a escolha foi unânime.

    “Muito obrigado ao júri, nem acredito”, disse a tímida cineasta ao receber o Leão de Ouro. Na categoria Direção, quem venceu o Leão de Prata foi Álex de la Iglesia, pelo longa-metragem Balada Triste de Trompeta. O filme do cineasta basco também ganhou roteiro.

    Nas categorias de atuação, o Coppa Volpi de Melhor Ator foi para Vincent Gallo (Essential Killing), enquanto Ariane Labed (Attenberg) foi premiada como Melhor Atriz.

    A mostra Horizontes, dedicada a produções experimentais, escolheu Verano de Goliat, do mexicano Nicolás Pereda. O júri também deu uma menção especial, pelo conjunto da obra, a Monte Hellman, sob a justificativa: “trata-se de um grande artista do cinema e um poeta minimalista. Seu trabalho inspirou este juri e é uma honra reconhecê-lo”.

    Confira os premiados do 67° Festival de Veneza:

    Leão de Ouro para Melhor Filme
    Somewhere, de Sofia Coppola

    Leão de Prata para Melhor Diretor
    Álex de la Iglesia, por Balada Triste de Trompeta

    Prêmio Especial do Júri
    Essential Killing, de Jerzy Skolimowski

    Coppa Volpi para Melhor Ator
    Vincent Gallo, por Essential Killing

    Coppa Volpi para Melhor Atriz
    Ariane Labed, por Attenberg

    Prêmio Marcello Mastroianni para Melhor Atriz Jovem
    Mila Kunis, por Black Swan

    Osella para Melhor Fotografia
    Mikhail Krichman, por Silent Souls (Ovsyanki

    Osella para Melhor Roteiro
    Álex de la Iglesia, por Balada Triste de Trompeta

    Leão Especial para o conjunto da obra
    Monte Hellman

    Leão do Futuro (Luigi de Laurentiis) – Prêmio para Filme de Estreia
    Cogunluk (Majority), de Seren Yüce

    Mostra Horizontes

    Melhor Longa-metragem
    Verano de Goliat, de Nicolás Pereda

    Prêmio Especial do Júri
    The Forgotten Space, de Noël Burch e Allan Sekula

    Melhor Curta-metragem
    Coming Attractions, de Peter Tscherakassky

    Melhor Média-metragem
    Tse (Out), de Roee Rosen

    Menção Especial
    Jean Gentil, de Laura Amelia Guzmán e Israel Cárdenas

    Prêmio Contracampo Italiano


    Melhor Filme
    20 Sigarette, de Aureliano Amadei

    Menção Especial ao ator Vinicio Marchioni, de 20 Sigarette

    Prêmio Persol 3-D ao filme mais criativo dessa tecnologia
    Avatar, de James Cameron, e Como Treinar Seu Dragão, de Chris Sanders e Dean Deblois.